4 de junho de 2007

LEITURAS # 2

PEQUENA FÁBULA

«Ah», disse o rato, «o mundo cada dia fica mais apertado. A princípio era tão grande que até me metia medo, depois continuei a andar e ao longe já se viam os muros à esquerda e à direita, e agora - e não passou assim tanto tempo desde que eu comecei a andar – estou no quarto que me foi destinado e naquele canto já está a armadilha em que vou cair.» «Tens de inverter o sentido de marcha», disse o gato, e comeu-o.

Franz Kafka, Parábolas e Fragmentos, Assírio & Alvim

3 comentários:

henriqueseis disse...

Já ví que gostas de "Palavras". passa também pelo meu blog que também tém uma boa leitura e diz o que achaste.são histórias poderosas de leitura rápida e fluente.deixa láo teu parecer . fica bém .
http://novos-mitos-urbanos.blogspot.com

alex disse...

já descobri quem és. :)

maria m. disse...

Henriqueseis, obrigada; comecei a ler as tuas histórias, sim.

Olá alex! Thanks pela visita ;)